Marvel Generations trará Banner, Logan e Mais heróis de volta a vida

Logo após divulgar um teaser desenhado por nada mais nada menos que  Alex Ross, que juntava as versões originais e atuais de alguns dos principais super-heróis da Marvel Comics, a editora por fim oficializou Generations. Esta que Será uma minissérie em dez edições, entre os meses de julho e setembro, e cada uma delas será dedicada à 2  heróis com o mesmo nome / função, como Thor Odinson e a Thor Jane Foster, e o Hulk Amadeus Cho com o Hulk Bruce Banner.
À rede ABC, o editor-chefe Axel Alonso diz que a minissérie “honrará o legado de todo esse universo”. “Ela indica bem para onde estamos indo no futuro com todos esses personagens e o que temos planejado há algum tempo para eles”, diz. Em relação a personagens que hoje estão abaixo de sete palmos (como Banner e Logan) ou modificados (como o Steve Rogers da HYDRA), o editor promete que “tudo fará sentido” na HQ e que a trama não é de realidade alternativa( to com medo), viagem no tempo ou uma correção de continuidade, sendo assim é canônico do universo atual.
Cada edição terá equipes diferentes(os desenhistas ainda não foram anunciados):
Homem de Ferro (Tony Stark e Riri Williams) – escrito por Brian Michael Bendis

Homem-Aranha (Peter Parker e Miles Morales) – Brian Michael Bendis

Ms. Marvel (Carol Danvers e Kamala Khan) – G. Willow Wilson

Thor (Odinson e Jane Foster) – Jason Aaron

Gavião Arqueiro (Clint Barton e Kate Bishop) – Kelly Thompson

Hulk (Bruce Banner e Amadeus Cho) – Greg Pak

Jean Grey (jovem e adulta) – Dennis Hopeless

Wolverine (Logan e X-23) – Tom Taylor

Capitão Marvel (Mar-Vell e Carol Danvers) – Margie Stohl

Capitão América (Steve Rogers e Sam Wilson) – Nick Spencer
Questionado se os personagens ressuscitados para a minissérie permaneceriam vivos no universo regular, Axel Alonso deu uma bela de uma esquivada : “A resposta pode ser diferente para cada personagem. Há potencial para atrito, há potencial para parcerias de heróis. No mínimo, é algo que vai exigir reflexão da parte de cada personagem, e isso é parte do nosso objetivo”.
Fonte: Omelete

Os olhos da esperança – Mil anos depois de Reino do amanhã

Poucos sabem porque nunca disse, mas eu sou apaixonado pela história “Reino do amanhã”, clássico de Mark Waid, com a arte simplesmente fantástica de Alex Ross. É a minha favorita de todas. E como fã do Superman, é claro que eu iria gostar. Mas recentemente eu li uma coisa que não havia lido, e acabei lendo em uma revista da Sociedade da justiça. Isso me deixou transtornado anteriormente mas agora vejo que é uma das coisas mais lindas que já li. As imagens que vou mostrar, acontecem depois de Reino do amanhã. Se ainda não leu, volta lá, vai ler, e depois vem aqui pra ver. De qualquer forma, não deixe de ler essa história. Tenho certeza que vai adorar.

222

Só pra situar aqueles que não leram e querem levar um spoiler delicioso na cara, Superman e Mulher Maravilha ficam juntos no final da HQ (YES!) então o melhor casal das HQs decidem que terão filhos, e chamam ninguém mais ninguém menos que o Morcego de Gotham para ser o padrinho.

22a

E com essa imagem, podemos deduzir que eles estão vivendo isolados, nas montanhas, dez anos depois. Aqui podemos ver que eles não tinham televisão.
Ali ao lado podemos ver Krypto, e o Raiado, logo ao canto. Atrás do Bruce podemos ver um cachorro que acredito que possa ser um descendente do Ace. E mais a frente temos o Shelby, um dos primeiros cães de Clark (Ou não).

22b-1024x789

20 anos depois acontece o inevitável. A morte do Batman. Ele viveu relativamente muito para um homem que vivia como ele. Nessa imagem podemos ver a presença de muitos personagens. Ali vemos o Superman ao lado da Diana, e com uma de suas filhas. Não sei se é mais uma, mas se for acho que a televisão quebrou novamente. Ao canto podemos ver Selina chorando. Ali é possível ver um Lanterna Verde, apesar do que eu não possa dizer exatamente quem seja. Mais ao canto, o herdeiro de R’as Al Ghul, e a provavelmente a filha do Exterminador, Rose. Ao fundo vemos o Desafiador. E ali a quem parece ser o Homem borracha. Há muito mais gente na foto, mas não posso identificar direito.

23a-1024x506

100 anos depois vemos o melhor casal olhando para vários foguetes, enquanto alguém que parece ser um de seus filhos se despede. Parece que a raça humana decidiu sair. Interessante reparar no símbolo do peito de Clark. Conseguem identificar?

23b-1024x544

E 200 anos depois é notável porque a humanidade saiu. Aparentemente apenas alguns ficaram e estes conseguem voar. Provavelmente os Super humanos que restaram, ou Superman, Diana, e seus filhos que decidiram não ir.

23c-1024x514
Aqui Imprimirpodemos ver que a humanidade já estabilizou, e o Super jardineiro a ajudando, voltando assim as suas raízes. Muito legal o jeito que o Alex Ross coloca Clark na posição da sua primeira edição como Superman. Interessante notar a ausência de Diana na foto. Será que foi embora, ou morreu? Ou será que simplesmente não está nesse lugar?

24

Aqui temos 1000 anos depois, Clark, observando ele mesmo jovem na querida Legião dos Super heróis. Muito bem colocado, afinal, a Legião teve muita inspiração nele, e o erro do Superman em Reino do amanhã, de acordo com o Espectro foi “Não notar a inspiração que era”.
Os olhos azuis de Clark representam em muito a esperança… De um homem que viu a humanidade fugir mas continuou no planeta. Continuou lutando para ajudá-lo. Isso e mais algumas coisas, me mostram que o Superman é o melhor herói de todos. Lutando sempre pela justiça, verdade, e “Um novo modo de vida”.

00-260x400
Capa da Sociedade da Justiça da qual esses scans foram tirados.