Afinal, quem segura o Flamengo?

Rubro-negra havia garantido sua classificação para as semifinais faltando apenas 7 jogos e a liderança isolada restando 5. A equipe só perdeu uma única vez no campeonato, contra a KaBuM.

Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on twitter
Tuitar isso
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

A ótima campanha do Flamengo eSports vem chamando a atenção pela forma de jogar da equipe. Diferente da temporada anterior, o rubro negro demonstrou consistência durante suas partidas e vem demonstrando porque é o líder legítimo, absoluto e o candidato ao título da primeira etapa do CBLoL. No entanto, a questão que fica é a seguinte: quem pode parar o Flamengo?

Leia também: Super semana começa com Flamengo classificado e Keyd inovando


Shrimp, o “imortal” e o astuto Luci

Eleito o Melhor Caçador da Temporada 2018, o sul-coreano Lee “Shrimp” Byeong-hoon demonstrou grande evolução comparado a temporada passada. Além de conseguir se comunicar melhor com os demais jogadores, Shrimp têm mostrado grande entrosamento na equipe. O caçador é um dos pilares principais da atual campanha rubro negra no CBLoL e vêm se consolidando como o melhor jogador, não somente de sua rota, mas do campeonato. Ele não sofreu um first blood desde o início do torneio e suas estatísticas no campeonato são as melhores possíveis. A maneira como Shrimp dá ritmo para seus companheiros é, sem dúvida, excepcional e justifica a ótima campanha da equipe.

Para ocupar a lacuna deixada por Eidi “esA” Yagamichi, hoje na paiN Gaming, o Flamengo contratou o suporte Han “Luci” Chang-hoon para fazer dupla com o atirador Felipe “brTT” Gonçalves. A atuação do sul-coreano têm chamado bastante a atenção durante as partidas. A maneira como Luci trabalha a visão pelo mapa, posicionamento durante jogadas ofensivas e defensivas são pontos a se destacar. Nesse quesito, fica fácil para a equipe rubro negra trabalhar melhor o mapa e conquistar seus objetivos rota por rota.


Erram menos e punem mais

O destaque coletivo da equipe do Flamengo nessa temporada é o fato de que a equipe tem errado pouco. As tomadas de decisões nas transições entre o early mid game da equipe rubro negra tem chamado bastante a atenção. Além disso, o que mais impressiona nas atuações do Flamengo são os momentos em que a equipe escolhe o tempo certo para iniciar uma luta.

Confira alguns números do time rubro negro até aqui:

  • Ouro por minuto: 380,4 (equipe) e 458 (brTT)
  • Maior KDA: brTT (10.25)
  • Maior número de assistências: Luci (9.63)
  • Maior número de partidas vencidas: 16

Como derrotar o Flamengo?

Com tanta disparidade na tabela, nas estatísticas e mostrando alto nível de jogabilidade no CBLoL, fica difícil imaginar que a equipe cometa erros daqui pra frente. Afinal, a equipe rubro negra só perdeu apenas uma única partida em 17 disputadas até o momento. É a melhor campanha da história do CBLoL até aqui, com incríveis 94% de aproveitamento.

Acreditamos que a INTZ e-Sports tenha esse ímpeto para conseguir desmoronar o domínio rubro negro numa eventual decisão, já que a mesma caminha rumo a segunda colocação, o que evitaria um confronto direto nas semifinais. No entanto, a ascensão da KaBuM nesse último final de semana colocou os atuais campeões da etapa na quarta colocação. Sendo assim, caso se mantenha na última vaga para os playoffs, teríamos a reedição da segunda etapa de 2018.


Sem dúvida, é a equipe que mais apresenta espírito de que vai buscar algo além de só vencer o CBLoL. Podemos ver claramente que o objetivo da organização é ir além no cenário internacional, tentar chegar mais longe. E hoje, podemos ver a disparidade do Flamengo dentro do cenário brasileiro, destacando sua evolução da temporada anterior para a atual. Se manter esse espírito e conseguir fazer com que seus objetivos sejam postos a prova. A partir daí, poderemos acreditar que esse será um ano diferente para nossa região.


O CBLoL é transmitido pela Twitch, no YouTube e nos canais SporTV.com (sábados e domingo) e no SporTV 2 (somente aos sábados).

Versão "Rise" 5.0.1 beta - Crafted with ❤ by @mattzbarbosa
© 2018. O Mestre da HQ - O seu portal de conteúdo Geek