Sexo, Drogas e Rock’n’Roll mostram a essência de Mötley Crüe em The Dirt

Uma das bandas mais notórias de Hard Rock tem sua história contada na Netflix.

Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on twitter
Tuitar isso
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

A cinebiografia dos Bad Boys de Los Angeles chegou a Netflix nesta sexta (22); mostrando toda a insanidade de Mötley Crüe. Se baseando em seu homônimo livro escrito pela banda junto de Neil Strauss o filme foi dirigido por Jeff Tremaine. Descrevendo os anos de 1980, as cenas mostram como era ser uma banda naquela época, indo de festas há momentos funéreos.

A narrativa da trama tem destaque pelos personagens  que conversam com o telespectador em um revesamento extremamente inclusivo para história. Essa quebra da quarta parede só mostra o quão notória é a banda, que sempre buscou inovar em seus shows e músicas. Grande parte da narração ocorre por Nikki Sixx  interpretado por Douglas Booth em uma digna atuação e semelhança surpreendente.

Divulgação: Netflix

As constantes cenas de sexo envolvendo os astros, mostra a vida na estrada, o que pode atiçar os conservadores nos dias atuais, não muito diferente de 1980. Grande parte das cenas pornográficas envolvem Vince Neil interpretado por Daniel Webber. As participações de Ozzy Osbourne, vivido pelo ator Tony Cavalero e David Lee Roth por Christian Ghering dão um toque especial.

Os destaques de Mick Mars interpretado por Iwan Rheon e Tommy Lee pelo rapper Machine Gunn Kelly completam o enredo. Todos os personagens passam por dramas sendo esses os momentos mais altos a começar pela infância de Nikki. A atuação abusiva de Vince Mattis na adolescência do músico chama bastante a atenção. O conflito familiar e o rodízio de padrastos agressivos mostra o que infelizmente acontece ainda o mundo de algumas crianças.

Tommy Lee é mostrado em um famoso exemplo de família quase perfeita, que amamos ver em propagandas de margarina. Mick Mars já aparece descobrindo sua doença que o afetaria pelo resto da vida, mas nunca desistindo dos sonhos. Vince Neil infelizmente tem o segundo drama mais chamativo pela perda de seu amigo em um acidente fatal. Mas o sofrimento que Nikki passa com as drogas, mostra o lado sombrio de um dependente químico.

Com um roteiro digno que vai além da iluminação e cor remetentes a década de 80. Tremaine não fez feio em sua primeira cinebiografia mostrando o estilo e a vida caótica de um Rockstar. Se a moda é lançar filmes de banda, a Netflix veio mostrar a Bohemian Raphsody como se faz.

Versão "Rise" 5.0.1 beta - Crafted with ❤ by @mattzbarbosa
© 2018. O Mestre da HQ - O seu portal de conteúdo Geek