Conheça a HQ “Open Bar” de Eduardo Medeiros

Barba e Leo são melhores amigos. Estiveram presentes na vida um do outro em quase todas as fases da vida. Agora adultos, os dois estão prestes a ser despejados, mas tudo muda quando Barba recebe como herança de seu pai o Caverna Pub.

Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on twitter
Tuitar isso
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

A edição definitiva da web comic de Eduardo Medeiros

Durante a CCXP de 2017, foi lançada a edição definitiva de Open Bar. O título de Eduardo Medeiros começou como quadrinho on-line em 2014 e narra os desafios de dois melhores amigos, Barba e Leo, que estiveram presentes nas vidas um do outro em quase todas as suas fases.

Agora adultos, ambos estão prestes a serem despejados, mas tudo muda quando Barba recebe como herança de seu pai o Caverna Pub. Os dois precisam manter o bar funcionando por três anos, para garantir a posse do estabelecimento. Esse é o ponto de partida de Open Bar, quadrinho nacional que conta essa história de amizade de forma engraçada e emocionante em 272 páginas.

Open Bar - ponto de partida
Barba e Leo tem que comandar o Caverna Pub

A amizade dos protagonistas é desenvolvida com naturalidade, e no decorrer da história é muito fácil se identificar com Barba e Leo. De forma não linear, a narrativa aprofunda as personalidades dos protagonistas e suas visões de mundo, passeando entre presente e passado, proporcionando mais intimidade à amizade dos dois.

O traço de Eduardo Medeiros dá aos personagens características cartunescas que se encaixam perfeitamente à história contada. As cores utilizadas (tons laranja, azul e cinza) trazem a história um ar quase cinematográfico, deixando claro para o leitor onde a narrativa está (passado ou presente).

Os personagens secundários são apresentados de uma forma que gera no leitor curiosidade em conhecer suas personalidades e seus passados. Tem o primo nerd que faz cosplay e pilota um DeLorean que voa, a vizinha cougar que tem um passado com os protagonistas e até um personagem conhecido da cultura pop (não acreditei quando vi!).
Uma dessas personagens é Amanda, ex-mulher de Léo que, do ponto de vista de Barba, é um atraso na vida dele. E isso a ponto de os dois assinarem e formalizarem um contrato, que dá a Barba permissões de “super user” sobre a vida amorosa do amigo.

Open Bar, Eduardo Medeiros, 2017

O quadrinho tem uma narrativa fácil de consumir, sem excesso de exposição e com diálogos irreverentes e lotados de referências à cultura pop (que se transformaram em uma Side Quest durante a leitura). Esses elementos ajudam o leitor a se identificar facilmente com as ideias e costumes dos personagens.

Vale a pena prestar atenção em cada detalhe para curtir as reviravoltas do enredo.

Open Bar é uma leitura perfeita para vários momentos da vida. Também é ideal para presentear aquele seu amigo nerd que ainda não conhece muitos quadrinhos nacionais.

Versão "Rise" 5.0.1 beta - Crafted with ❤ by @mattzbarbosa
© 2018. O Mestre da HQ - O seu portal de conteúdo Geek