Muito além das HQs e filmes, um exemplo para todos

Suas histórias vem de inspirações reais de superação e luta. Todos os heróis criados até hoje tem reflexos com base no codidiano da sociedade e temos de enaltecer sempre e, mais do que somente histórias fictícias, são histórias magníficas.

Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on twitter
Tuitar isso
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Não há quem fale somente das HQs e filmes do lendário Stan Lee sem fazer um grande reflexo na sociedade. Suas obras, mesmo que fictícias, condizem bastante no dia a dia das pessoas em atos que geram ações solidárias. Hoje mesmo, um amigo me mostrou a importância dos super heróis como imagem inspiradora para gerações.

Irmãos Evans e Pratt
Chris Evans e Chris Pratt em um hospital infantil. Foto: Seattle Children’s Hospital

Sendo assim, faço uma ressalva para, mais do que apenas histórias em quadrinhos, são histórias que mudam a vida de muitas pessoas, e criam diversos super heróis na vida real. Como não falar de Capitão América e sua luta contra o nazismo e inimigos da democracia? Dos X-Men, que possuem similaridades as questões de igualdade social/racial que vivemos nos dias de hoje? idem a um dos grandes sucessos de bilheteria de 2018, o Pantera Negra.

Martin Luther King lutou contra desigualdade racial nos EUA na década de 60. Foto: Google

Então, podemos dizer que, mais do que só histórias fictícias de heróis em quadrinhos, são histórias que se inspiraram em pessoas da vida real e que lutam até hoje por seus direitos. Ou seja, por trás de um gênio, havia uma pessoa com propósito significativo para as nossas vidas. Sentirei falta dos famosos cameos que aparecem durante os filmes cuja produção era feita por Stan. Sem dúvida, era uma das coisas que mais chamava a atenção de quem assistia quaisquer curta/longa metragem da Marvel.

Achar alguém que conte a realidade de maneira cômica e fantástica será difícil, mas igual ao Stan Lee, é quase impossível. Que os céus o tenham.

Versão "Rise" 5.0.1 beta - Crafted with ❤ by @mattzbarbosa
© 2018. O Mestre da HQ - O seu portal de conteúdo Geek