ESQUADRÃO SUICIDA 2 | Diretor desconfirma Reboot

O diretor de Guardiões da Galáxia, James Gunn, foi o escolhido da Warner para dirigir um novo filme da franquia Esquadrão Suicida. Nesse filme, o objetivo seria simplesmente colocá-la na direção certa. Dessa forma, se tiraria do longa os estigmas causados por problemas na produção dos filmes anteriores da DC Films. No entanto, ainda não ficou totalmente claro para o público se ele virá com uma intenção de Reboot (como inicialmente divulgado) ou de sequência ao primeiro filme. E Gunn, que provavelmente já sabe a resposta do questionamento, não pôs fim ao mesmo.

Durante uma entrevista para divulgação do filme Brightburn – Filho das Trevas, o diretor foi perguntado sobre qual a intenção do filme. Mesmo com a reporter querendo apenas saber se seria uma sequência ou não, a resposta foi evasiva:

“Estes termos são tão limitados… Há tantos termos… O filme é o que ele é. Vocês verão em dois anos.”

Remanescentes e novidades completam o elenco

O mais estranho é notar que não só temos tido notícias recentes de que o filme será um Reboot, como também que teremos o retorno de atores nos mesmos papéis que a iteração anterior. Assim, Margot Robbie retorna como Arlequina, Joel Kinnaman como Rick Flagg, Viola Davis como Amanda Waller e Jai Courtney como Capitão Bumerangue. Porém, a produção também está sendo marcada por elencar novos personagens em atores reconhecidos. Idris Elba, John Cena, David Dastmalchian e Daniela Melchior farão personagens da mitologia da DC — alguns já confirmados, outros não.

Há a interpretação de que, em princípio, a ideia fosse a de se refazer a franquia. E contribuiria para isso o fato de que a decepção de crítica se resume a um único filme. Porém, já que nem mesmo tais respostas simples tem sido divulgadas ao público, a expectativa por mais detalhes se mantém.

Esquadrão Suicida 2 é nome não-oficial e por enquanto provisório para o filme da DC. Nele, criminosos que se envolvem numa missão para o governo em troca de redução de pena.

O longa deve chegar aos cinemas em 2021.

Falcão e Soldado Invernal | Informações da série são divulgadas

O portal Deadline surgiu hoje com novas informações exclusivas sobre Falcão e Soldado Invernal, uma das novas produções da Marvel Studios para o Disney+, serviço de streaming da Disney.

Conforme o site, Kari Skogland foi contratada para dirigir os seis episódios do programa. Ela traz no currículo produções como O Conto da Aia (The Handmaid’s Tale), The AmericansHouse of Cards Justiceiro.

O Deadline também aponta que no elenco, além das presenças óbvias de Anthony Mackie (Falcão) e Sebastian Stan (Soldado Invernal), teremos também Daniel Brühl, que viveu o vilão Zemo no filme Capitão América: Guerra CivilEmily Van Camp,Agente 13 que se relacionou brevemente com Steve Rogers nos filmes do herói.

Ainda é uma incógnita o momento cronológico no qual a série se passará. Caso seja posterior a Vingadores: Ultimato, então ela certamente abordará o fato de Sam Wilson não ser mais o Falcão, e sim o novo Capitão América.

Ainda não é oficial, mas o Deadline aponta que a minissérie deverá estrear em agosto de 2020.

Fique ligado no site para mais informações!!

JOGOS MORTAIS | Wan e Chris Rock em novo filme; Reboot considerado

A consagrada franquia de terror Jogos Mortais teve uma nova iteração confirmada. E o que é surpreendente é que há fontes que garantem um possível Reboot. James Wan, o responsável pelo início da franquia anterior (tendo dirigido e produzido filmes da série), continua e seu notável e recorrente contribuidor, Leigh Whanell, também participará do projeto.

A nova iniciativa trará ainda ninguém mais, ninguém menos que Chris Rock. O reconhecido comediante, que participou de petardos como Em Má Companhia e Bee Movie: A História de uma Abelha, trará a história do longa. E pelo visto, rapidamente já conseguiu convencer Mark Burg e Oren Koules, produtores de longa data da série de filmes.

Está longe de ser a primeira vez em que vemos um profissional de comédia tomar parte de filmes de horror/terror. Porém, a presença do criador de Todo Mundo Odeia o Chris é no mínimo intrigante e desperta curiosidade.

O novo filme chega em 2020.

Resultado de imagem para Chris Rock Saw

Fonte: Collider

BGS 2019 | Epic Games estará presente no evento

bgs 2019

Foi anunciado nesta quinta-feira, 25, pela organização da BGS 2019 o stand da empresa norte-americana Epic Games. Ela é responsável pela criação do fenômeno do competitivo, Fortnite. Além disso, a organização do evento citou que a empresa terá um stand de mil metros quadrados; – dentro da Expo Center Norte, em São Paulo.

BGS 2019 | Maior feira de games da América Latina lança nova identidade visual

O Fortnite, é um dos jogos de mais sucesso na atualidade. Tanto que, este ano, está acontecendo a qualificatórias para a Copa do Mundo da modalidade. O evento reúne diversas equipes do mundo inteiro. Representando o Brasil, temos o “leleo” da QUASAR Generation e a dupla da W7M “pfzin” e “Nicks”.

Entretanto, existem muitas vagas em aberto para a disputa do campeonato. O mesmo terá 10 qualificatórias e o torneio principal acontecerá entre os dias 26 e 28 de Julho deste ano, em Nova York.

As vendas dos ingressos para a 12ª edição começará na próxima semana (5) e pode ser conferido através deste link.

Realizada desde 2009, a Brasil Game Show se consolidou como a maior feira de games da América Latina. Além disso, é uma das maiores do mundo e já recebeu mais de 1,8 milhões de visitantes. Além de uma dezena de convidados internacionais, ao longo de 11 edições.

Game XP | Ingressos começarão a ser vendidos a partir de Maio

gamexp

A segunda edição da Game XP terá suas vendas liberadas a partir do dia 7 de Maio. O evento acontecerá entre os dias 25 e 28 de Julho, no Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro.

Leia também: “O público brasileiro é o que mais impressiona”, afirma BiDa

Anunciada como parte das atrações do Rock In Rio em 2017, a Game XP rapidamente se tornou um sucesso de público. Durante o festival de música, os espaços reservados para o evento de games teve lotações ao longo daquele período. Certamente a boa repercussão fez com que o evento tivesse seu próprio calendário, dando origem a primeira edição em 2018. Nessa ocasião, o evento contou espaços da NBA Fan Zone, Rock Stage, Arena Ubisoft. E, além disso, contou com diversos campeonatos como a final do Brasileirão de Rainbow Six Siege.

O sucesso foi tão grande, que chegaram a ter mais de 95 mil pessoas em sua primeira edição fora da agremiação do Rock In Rio, trazendo a público sua segunda edição para 2019, com grandes expectativas e experiências para o público, e terá mais um dia com relação a edição passada.

Para saber mais a respeito da venda e compra de ingressos, acessem a página oficial do evento clicando aqui.

Adidas lançará calçados dos Vingadores

A equipe de marketing de Vingadores: Ultimato tem investido forte na franquia, aumentando o hype cada vez mais — conectando o fã através de itens como Mega Banners espalhados mundo afora até latas de refrigerante. Agora, com a parceria entre Marvel e Adidas, a nova empreitada se comprometerá a fazer calçados dos Vingadores. Isso mesmo, caro(a) amigo(a): se você é fã dos heróis mais poderosos da Terra, pode ser que não queira ficar sem um desses — e ainda mais se tiver o Capitão América como seu herói preferido.

A Adidas vai lançar este mês um tênis homenageando o herói, que é parte da coleção “Heroes Among Us” (ou “Heróis entre nós”), que será composta por vários tênis temáticos, feitos em homenagem aos Vingadores. Nesta linha, vamos ter um choque entre dois mundos, onde não só heróis dos quadrinhos e filmes vão receber esse tributo como também jogadores famosos da NBA. Começando com o tênis do Primeiro Vingador, a inspiração veio do jogador John Wall, craque que veste a camisa #2 no time Washington Wizards.

 

Outros Crossovers

Também teremos mais crossovers, como aqueles entre Homem de Ferro e o barbudo craque do Houston Rockets, James Harden; Pantera Negra e o monstro dos momentos decisivos do Portland, Damian Lillard; e até Capitã Marvel e Candace Parker do Los Angeles Sparks, trazendo a representatividade feminina tão solicitada pela sociedade ao projeto.
O tênis do Capitão América custará 180 dólares (em torno de R$ 706); além desse valor, também haverá o custeio dos impostos que assolam o nosso país. Inicialmente, os itens estarão disponíveis para compra online, e em algumas lojas selecionadas da Adidas, a partir de 26 de abril.

É possível adquiri-los a tempo de ir para estreia de Vingadores: Ultimato.

Deixamos abaixo as fotos do tênis que foram divulgadas:

E aí? O que acharam? Vale a pena o investimento? Ansiosos para saber como serão os próximos calçados da linha? E qual herói vocês gostariam de ver estilizados nos calçados?

“O público brasileiro é o que mais impressiona”, afirma BiDa

Após três dias de DreamHack Rio, tivemos o privilégio de entrevistar um dos maiores nomes da narração brasileira nos e-sports. Estamos falando de Bernardo “BiDa” Moura, do cenário de CS:GO. Conversamos a respeito de diversos assuntos relacionados ao cenário brasileiro, a evolução das equipes brasileiras e o cenário universitário.

Leia também: Como foi a DreamHack Rio 2019

Confira como foi nossa entrevista:

O que você está achando da rotatividade de torneios aqui no Brasil, será que estamos entrando firme no mapa dos torneios internacionais?

BiDa: Desde 2016 tivemos o primeiro evento, e o público brasileiro é o que mais impressiona. Acho que torcida é o que encanta bastante nos torneios. Por mais que seja fora do eixo europa, o Brasil entrou dentro do mapa dos torneios internacionais porque cativa bastante, o pessoal é bem recebido, a culinária é boa, atrações excelentes, o pessoal se encanta por aqui.

Apostando no crescimento das equipes, como você qualifica o desenvolvimento de dentro do país como a W7M, Redemption, como você enxerga o cenário brasileiro?

BiDa: Ta cada vez mais equilibrado, o nível de jogo é altíssimo. Mas o ritmo é bem diferente em comparação aos times de fora. As equipes brasileiras tem aquela rotina mais noturna de treinos, mas os investimentos e a chegada de mais organizações, os jogadores se tornam mais profissionais e pode facilitar nisso. Os principais jogadores que saem daqui acabam se tornando melhores quando adotam melhores rotinas de treino e isso tem ajudado cada vez mais no crescimento do cenário brasileiro.

Recentemente você esteve narrando a Brasil College League, torneio da BBL e-sports, onde reune diversas equipes universitárias do Brasil. Você acredita que fomentar esse cenário pode trazer novos talentos para os mais variados jogos?

BiDa: Com certeza. Eu acho que, a longo prazo, pode trazer novos jogadores e mais atenção para os e-sports. Nos Estados Unidos, existem bolsas de estudos para quem pratica e-sports, e esperamos que no Brasil, isso comece a ser uma realidade e começar a desenvolver desde cedo e que pelos próximos anos tenhamos inúmeros “coldzeras” pelo mundo.

Você acha que teremos novas equipes como a SK Gaming, MiBR que elevarão o país ao topo do CS:GO?

BiDa: Com certeza é possível, porém é muito difícil. Apenas uma equipe domina por etapas. Em muitos anos de CS, poucas dominaram. SK, Astralis, Fnatic. São poucas equipes que dominam o cenário, e sempre fomos celeiros para o cenário, exportamos diversos jogadores. Se mais pessoas estiverem engajadas em se tornar jogadores, fazer parte disso, acho que podemos chegar ao topo do cenário.

Confira o áudio na íntegra:

Bernardo Moura, conhecido como BiDa, é bastante consagrado dentro do cenário brasileiro de esportes eletrônicos. Natural de Florianópolis, BiDa começou na narração do CS:GO, ao lado de Savage. Além disso, fez diversas transmissões em torneios da Gamers Academy, parte da plataforma GamersClub. Nesse meio tempo, BiDa também esteve em grandes torneios internacionais no país, como a ESL One Belo Horizonte em 2018. Posteriormente, esteve ao lado de gORDOx” na Blast Pro Series 2019, que acontecem em Março, na cidade de São Paulo. Embora suas atenções sejam voltadas para o CS:GO, BiDa também comenta partidas de PUBG.

Confira como foi a DreamHack Rio 2019

DreamHack Open CSGO

Aconteceu neste final de semana, a DreamHack Rio. Primeira vez na América Latina, teve como sede o Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro. Nós do Mestre da HQ estivemos lá e trazemos para você tudo o que rolou nesses três dias de disputas.

Leia também: DreamHack Rio | Organização do evento oferece ingressos extra como compensação

Primeiro dia – Atrasos e problemas técnicos

Como parte as atrações da DreamHack, tivemos o showmatch entre os finalistas da primeira etapa do CBLoL 2019; INTZ, que saiu vencedora do confronto no último sábado, 13, enfrentou o Flamengo, em busca de uma revanche. A partida começou às 10:00, no entanto, o evento teve diversos atrasos no que diz respeito a entrada do público. Foram mais de 1 hora de espera para a abertura dos portões e ainda sim o jogo estava para começar. Sobre o showmatch, a equipe rubro negra venceu o primeiro confronto contra os intrépidos, com destaque para Robo e a sua Vayne na rota do topo. Mas, na sequência, a INTZ começou a gostar do jogo e venceu as duas outras partidas, vencendo a série, realizada em formato melhor de três.

Flamengo e INTZ no primeiro dia de DreamHack. Foto: Wesley Pereira

Em seguida, tivemos o início dos embates pela DreamHack Open.. Na abertura do campeonato, tivemos o confronto entre AVANGAR e eUnited. A equipe do Cazaquistão venceu o duelo após três overtime em sequência, por 25 a 23 na Inferno. Logo depois, tivemos a Valiance vencendo a W7M por 16 a 13 na Mirage. No terceiro jogo do dia, tivemos a estréia da FURIA contra a INTZ, e venceram por 16 a 11, na Mirage. Finalizando o dia, A Sharks venceu a Redemption por 16 a 9 na Train. Nesse mesmo dia, tivemos a AVANGAR e a Sharks classificadas direto para as semifinais, ambas terminando 2-0. As partidas foram todas em formato melhor de um.

DreamHack Open CSGO
INTZ e FURIA na DreamHack Rio. Foto: Mário Sérgio Silva de Brito

Segundo dia – Partidas rápidas e revanche

Tivemos a segunda parte da fase de grupos da DreamHack Open, agora com partidas em formato melhor de três. Na abertura do dia tivemos INTZ contra eUnited. Os intrépidos venceram o confronto por 2 a 0. Na sequência, tivemos W7M contra Redemption. A W7M venceu o confronto por 2 a 0, destaque para o primeiro mapa, onde a equipe foi dominante fazendo um 16 a 0. Logo depois, tivemos o embate entre INTZ e FURIA pelo decider match. Os intrépidos não foram páreos para a equipe de KSCERATO, que venceu por 2 a 0 e garantiu sua vaga nas semifinais. Em seguida, a W7M enfrentou a Valiance, pela última vaga na semi e foram derrotados por 2 a 0, dando adeus ao torneio.

Terceiro dia – Emoção até o fim – Parte 1

Na abertura das disputas, tivemos a FURIA enfrentando a Sharks, por uma vaga na grande final. Na primeira rotação, os pumas começaram bem a rodada, conseguindo de duas a três rodadas seguidas no lado terrorista, fechando 9 a 6. Na troca de lado, o confronto saiu empatado entre 7 a 7, mas com o match point na mão, a FURIA venceu o primeiro mapa, Inferno, por 16 a 13. Novidade no cenário, o mapa Vertigo estreou pela primeira vez nesta DreamHack. A FURIA começou emplacando uma série de 9 rodadas seguidas para cima da Sharks. Após a troca de lado, o domínio da equipe continuou e venceram o mapa por 16 a 4, se garantindo na grande final.

Na sequência, tivemos AVANGAR e Valiance pela segunda parte da semifinal. No primeiro mapa, Train, os europeus tinham uma boa vantagem para cima a AVANGAR. Mas, a equipe do Cazaquistão surpreendeu a equipe alemã e venceu de virada, por 16 a 12. No mapa seguinte, Inferno, a Valiance teve grande domínio na primeira rotação. Mas, logo em seguinte, a AVANGAR quase arrancou a vitória, no que poderia ter sido uma das maiores viradas do campeonato. Porém, já com o match point em mãos, restou para a Valiance garatir seu mapa e levar para o terceiro e decisivo jogo. Já na Dust2, novamente um duelo bem acirrado para os dois lados, com uma boa vantagem para a AVANGAR. Após a troca de lados, a Valiance conseguiu emplacar cinco rodadas consecutivas. Mas, pouco adiantou, já que a AVANGAR tinha boa vantagem após a inversão de lados e garantiu-se na grande final.

Terceiro dia – Virada histórica – Parte 2

No primeiro mapa da final, a FURIA começou na Vertigo, e conseguiu ser bem dominante para cima da equipe do Cazaquistão, vencendo por 16 a 2. Já no segundo mapa, Inferno, a AVANGAR venceu por 16 a 6 e levou a decisão para o último mapa. Finalizando a série, na Train, Os brasileiros começaram bem dominantes na rodada, vencendo de 10 a 5. Mas a equipe brasileira sofreu grandes apagões e viu a AVANGAR tomar conta da partida. No entanto, a partida foi para o tempo extra após empatar em 15 a 15. Após um 4 a 1 no overtime, a AVANGAR se sagrou campeã da DreamHack Open 2019 e faturou US$50.000 dólares.

Agradecimentos ao Rhodrigo Ribeiro, da Geek Cong pelo equipamento fotográfico no primeiro dia de evento.

DreamHack Rio | Organização do evento oferece ingressos extra como compensação

Nesta quinta-feira, 18, a um dia do evento, a DreamHack Rio divulgou em suas redes sociais novidades sobre. A organização emitiu uma nota de desculpas pelos cancelamentos de algumas atrações no evento. Além disso, colocaram a disposição daqueles que já adquiriram ingressos, uma carga extra para levar seus amigos para o evento.

Dentre estes anúncios, a organização do evento também divulgou os horários do transporte para aqueles que compraram passaporte VIP e LAN PARTY. O ponto de partida será no Nova América e terá destino até o Parque Olímpico. Sendo assim, disponível tanto para ida e vinda do evento durante os três dias.

Recentemente, o evento teve mais uma baixa para a DreamHack Open, torneio de CS:GO. Se trata da AGO, equipe polonesa, que precisou deixar a competição por conta de um de seus jogadores estar com problema de saúde. Para o lugar da equipe europeia, foi chamada a Redemption, equipe brasileira.

Além disso, teremos diversas atrações como o showmatch entre Flamengo x INTZ, reedição da grande final do CBLoL 2019, vencido pelos intrépidos e o desafio sul-americano de federações, organizado pela FERJEEe contará com a participação de outras federações brasileiras e sul-americanas. Lembrando que, ainda há ingressos disponíveis na Tickers For Fun