Capitã Marvel | Curiosidades sobre o filme e sobre os anos 90

Capitã Marvel Heroína que merecemos

Vamos começar com as curiosidades do filme:

1– Anna Boden, a diretora de “Capitã Marvel” é a primeira diretora feminina do Universo Cinematográfico Marvel.

2– “Capitã Marvel” é o primeiro filme do Universo Cinematográfico Marvel ambientado nos anos 90 e se passa antes de todos os outros filmes da Marvel Studios, exceto o primeiro “Capitão América”.

3–  “Capitã Marvel” é baseado na série de histórias em quadrinhos da Marvel de mesmo nome, publicada pela primeira vez em 1967. Os cineastas foram atraídos por uma série de histórias em quadrinhos criadas por Kelly Sue DeConnick.

4– Para “Capitã Marvel”, em Los Angeles, vários locais foram usados, como a Eastwood Power Station e Shaver Lake em Fresno, bem como os desertos no Vale de Lucerna e Edwards Air Force Base.

5– O mundo que o designer de produção Andy Nicholson trouxe à vida nos arredores de Los Angeles foi “Torfa”. Nicholson e a sua equipe foram a mina e pedreira de areia existente em Simi Valley e, com a ajuda de milhares de quilos de areia, transformaram em um cenário visualmente dinâmico.

6– Para uma das cenas de Los Angeles, os cineastas pegaram um antigo espaço comercial em North Hollywood e construíram uma nova fachada, incluindo um Radio Shack, uma Blockbuster e uma lavanderia. A localização parecia tão real que as pessoas realmente queriam entrar nos locais, sem perceber que era realmente um set de filmagem do filme!

7– Brie Larson, que interpreta Carol Danvers/Capitã Marvel e Lashana Lynch, que interpreta a colega piloto de testes Maria Rambeau, visitaram a Base Aérea de Nellis em Las Vegas para um treinamento e acabaram passando por experiências únicas em um jato de combate F-16.

8– Brie Larson também conseguiu se reunir e passar um tempo com a brigadeiro-general Jeannie Marie Leavitt, que se tornou a primeira piloto de caça feminina da Força Aérea dos Estados Unidos em 1993 e foi a primeira mulher a comandar uma ala de combate da USAF.

9–  A equipe do figurinista Sanja Hays fez oito uniformes para Brie Larson. Para os trajes, o tecido principal é couro com o acabamento na cor azul perolado especial que tem um brilho quando é colocado na luz.

10– Os cineastas fizeram testes com vários gatos diferentes para fazer o papel de Goose e acabaram com um gato chamado Reggie. Reggie veio com três outros gatos, Archie, Gonzo e Rizzo que se especializaram em diferentes truques.

11– Para a surpresa de todos, Samuel L. Jackson foi ótimo com os gatos. Ninguém sabia que ele era um gostava tanto de gatos!

12– Brie Larson levou muito a sério o treinamento para o papel de Capitã Marvel. Durante cinco dias por semana, ela fez de duas a quatro horas de treinamento, combinando boxe, kick-boxing, judô, luta livre e Jiu-Jitsu. A atriz também trabalhou para levantar mais de 100 quilos em halteres, 200 quilos em barras de pesos e até mesmo puxando um jipe ​​na estrada, um belo treinamento e uma grande conquista para uma atriz que nunca tinja feito muitos treinos de força!

13– Para criar o jovem Nick Fury e o agente Coulson, foram convidados o supervisor de efeitos visuais Chris Townsend e os artistas do estúdio Lola para transformar os atores de volta às versões dos anos 90 de seus personagens. Foi de extrema importância que tanto Samuel L. Jackson quanto Clark Gregg ficassem ótimos para suas respectivas idades reais!

Os anos 90:

Cinema

O cinema comercial começa nesta década trazendo o cinema de arte para o grande público, quando nomes como Woody Allen, Martin Scorsese e Pedro Almodóvar começam a fazer sucesso em grande escala, abrindo espaço para novatos como Quentin Tarantino, Robert Rodriguez e os irmãos Coen. Os super-heróis da Marvel começam a ganhar espaço na telona, com personagens como Blade, Demolidor e Elektra. O então pequeno estúdio de animação Pixar começa a fazer longas em computação gráfica, revolucionando os desenhos animados, isso tudo contando com uma pequena ajuda de Steve Jobs, que havia sido demitido da Apple e começou a ajudar na nova iniciativa. A década termina com George Lucas anunciando algo que os fãs de Star Wars sempre sonharam: uma nova trilogia do universo Jedi. O grande sucesso do fim da década é a adaptação que o diretor dos filmes Exterminador do Futuro, James Cameron, faz para o naufrágio do navio Titanic. No Brasil, o cinema nacional começa a se reerguer, principalmente a partir de Carlota Joaquina, dirigido por Carla Camurati. A década termina com um filme brasileiro, Central do Brasil, de Walter Salles, disputando o Oscar de melhor filme estrangeiro e fazendo a eterna Fernanda Montenegro concorrer ao prêmio de melhor atriz.

Música

A década começa com o Nirvana destronando artistas estabelecidos como Guns N’ Roses, Michael Jackson e Madonna, mudando as regras do jogo com um som sujo, pesado e barulhento e trazendo a atitude anticomercial do punk para os holofotes do mainstream, criando assim um subgênero do rock chamado a princípio de rock alternativo. A música eletrônica de grupos como Massive Attack, Portishead, Prodigy e Chemical Brothers começa a ganhar o mundo, fazendo guitarras e violões ficarem em segundo plano. O rap também cresce como força comercial, principalmente a partir do gangsta rap, que cria um cenário em que as costas leste e oeste dos EUA começam a atritar entre si. No Brasil, as rádios são dominadas pelo trio axé music, sertanejo e pagode, que ajudam a alavancar as vendas de um novo jeito de se ouvir música – o compact disc. Embora o CD tenha sido lançado na década de 80, foi a partir dos anos 90 que ele encontrou o grande público e se tornou a principal mídia sonora do mercado, o que fez o Brasil, diferentemente de outros países, encerrar a fabricação de discos de vinil. A descentralização da produção musical também foi outra característica da década por aqui, quando grupos do Recife (Chico Science & Nação Zumbi e Mundo Livre S/A), Belo Horizonte (Pato Fu e Skank), Brasília (Raimundos, Little Quail e Maskavo Roots) e Porto Alegre (Graforreia Xilarmônica e Wander Wildner) começaram a ganhar um espaço que antes pertencia apenas a bandas do Rio de Janeiro e de São Paulo.

Televisão

A principal mudança que aconteceu na televisão durante esta década foi a revitalização dos seriados. Até os anos 80, os seriados eram redundantes e não contavam uma história contínua, apenas circulavam ao redor de um roteiro básico repetido de diversas formas com os mesmos personagens de sempre. A partir da ida do cineasta David Lynch para a televisão isso começou a mudar. Lynch começou a década com o sucesso Twin Peaks, que durou apenas duas temporadas, mas mudou completamente a forma de se fazer TV. A partir de Twin Peaks, seriados como Arquivo X e Buffy – A Caça-Vampiros foram ainda mais além e transformaram a estrutura da TV usando um novo parâmetro que seria abraçado pela emissora HBO a partir da década seguinte, com seriados como Sopranos e The Wire. Estes, por sua vez, instigaram a criação de clássicos modernos como Lost, Breaking Bad e Mad Men – todos de uma certa forma herdeiros das transgressões de Twin Peaks no início da década anterior.

Tecnologia e internet

A internet foi inventada nos anos 60, mas só nos anos 90 deixou de ser exclusiva para os nerds e viciados em tecnologia. Foi com a criação primeiro da linguagem world wide web e depois com a popularização dos programas de navegação que as pessoas começaram a visitar a rede, num tempo em que não havia YouTube, Google e muito menos o Facebook e o mais próximo que se tinha de uma rede social era o email. Fora da web havia poucas formas de comunicação populares, como o mensageiro instantâneo ICQ e chats de portais de notícia. Celulares e câmeras digitais eram enormes e caros, só quem era muito rico tinha acesso, principalmente no Brasil.

Fiquem ligados no site para mais informações!

Bob Esponja | Lemmy Kilmister já adaptou música para o desenho

Lemmy Kilmister e Bob Esponja tem uma ligação que poucos sabem, mas o lendário Motörhead já participou do desenho. A série criada pelo falecido biólogo marinho, Stephen McDannell, estreiou 1º de maio de 1999 após a exibição de Kids’ Choice Awards. O episódio piloto virou um sucesso e em 17 de junho do mesmo estreou oficialmente.

Foto: Internet

Onde Motörhead entra nessa história?

Em 2004 foi lançado Bob Esponja, o Filme. Ele contou com a presença da música “You Better Run”, adaptada como “You Better Swim”. A canção original é do álbum March Or Die, lançado em 1992.
Neste filme, Bob Esponja tenta a vaga para o Siri Cascudo 2, porem Lula Molusco é nomeado o gerente. Em todo o filme são apresentada algumas músicas de Rock, entre elas, até o Twisted Sister.

 

Em 28 de dezembro de 2015, Lemmy faleceu em decorrência de um câncer. Meses antes ele havia se apresentado no Brasil porem não conseguiu realizar seu show em São Paulo. Algumas pessoas consideram justiça divina graças a falta de educação do público no festival Monsters of Rock. Os fãs não souberam respeitar a banda Black Viel Brides, erro por parte do festival em escalar eles nesse dia. Porém o vocalista da banda havia sido internado no Brasil muito antes do show. Os demais shows ocorreram para alegria de quem pode ver o Bestial Sagrado do Heavy metal pela última vez.

 

A esquerda Mikkey Dee, Lemmy ao meio e Phil Campbell a direita |  Foto: Robert John Potography

Em uma de suas passagens marcantes pelo Brasil, o Rock in Rio ganha um destaque especial. O Brasil foi homenageado pela banda em seu álbum conhecido como “1916” de 1991. Nele contém uma faixa chamada “Going To Brazil”. Música dedica ao povo brasileiro no RIR de 2011.

Superman | DC revela detalhes de uniforme de Nicolas Cage

Cage acredita que seria o melhor Superman…

O DC Universe chegou com tudo. Séries live-action, séries animadas e o DC Daily, o programa oficial da DC. Com entrevistas e novidades da Casa das Lendas.  No episódio 71 do talk show, a Warner resgatou o uniforme do filme nunca produzido de Tim Burton e Nicolas Cage: Superman Lives.

Nele podemos dar uma melhor olhada sobre o uniforme azul brilhante que nunca foi usado nas telonas por Nicolas Cage.  Alem disso, Ray Carsillo, roteirista do programa, divulgou uma foto do traje também.

//www.instagram.com/embed.js 

Ano passado Cage falou sobre Superman Lives ser o melhor filme do Superman (via EW):

Eu diria que o filme que Tim e eu teríamos feito, imaginando agora, é mais poderoso que qualquer um dos filmes do Superman. Eu nem preciso fazer o filme e todos nós sabemos o que ele teria sido em nossa imaginação. Esse é o Superman. Esse é o filme. Mesmo que você nunca tenha visto – esse é o Superman.

O longa seria dirigido e escrito por Tim Burton e protagonizado por Nicolas Cage. A trama iria adaptar a HQ Morte do Superman.

O episódio se encontra disponível no YouTube (clique aqui) – e você pode conferir o uniforme a partir de 18 min e 40 seg.

“Leva-me com você”

leva-me para casa

Cada vez mais existem campanhas para adoção de animais para aumentar o número de adoções, diminuir o de vendas e ajudar o processo de recuperação que é feito pelas ONGs. Influenciadores Digitais, protetores e associados a defesa dos animais tentam de tudo para diminuir o preconceito que existe com cachorros e gatos sem pedigree.

Um curta-metragem e animação 3D, que ensina como adotar um novo amigo. Criada e realizada por Nair Archawattana.

Saiba mais sobre a Organização Kara em Boruto : Next Generations

A Akatsuki foi a rudimentar organização de vilões do mundo de Naruto, durante todo universo de Naruto Clássico e por grande parte de Naruto Shippuden, até ter chegado ao fim após seus membros terem se separado (ou ter sido morto).

Utimamente em Boruto: Naruto Next Generations, existe o Grupo Kara, uma nova organização de vilões que poucas pessoas no mundo ninja, tem conhecimento . O verdadeiro objetivo do Grupo Kara ainda é desconhecido, assim como os nomes e poderes de todos os seus membros, mas sabemos que esta organização pode ser uma ameaça ainda maior do que a Akatsuki.

O primeiro motivo para crer nisso é que muitos membros internos da Kara possuem selos da maldição Otsutuki, o que pode indicar que cada um tenha matado um Otsutsuki.

Isto por si só já deveria ser o bastante, já que apesar da Akatsuki ter ninjas poderosíssimos (para a época), eles ainda não estavam no nível dos deuses, enquanto o Grupo Kara está no nível do Clã Otsutsuki, como confirmado pelo próprio Sasuke.

Somente dois membros da Akatsuki poderiam ser comparados a deuses (Nagato e Obito, graças ao Rinnegan dos dois), cada membro interno da Kara é considerado no mesmo nível do Clã Otsutsuki.

É apenas natural que o Grupo Kara seja mais poderoso que a Akatsuki, já que em seus níveis atuais de poder, Naruto e Sasuke poderiam derrotar facilmente todos os membros da Akatsuki, e novos desafios precisam ser criados para que os heróis do anime possam evoluir cada vez mais.

Mas apesar de serem mais fortes, o Grupo Kara não é tão influente quanto a Akatsuki. Enquanto a Kara opera nas sombras, a Akatsuki era uma organização conhecida e temida por todos, inclusive por nós, fãs. Ainda sabemos muito pouco sobre a Kara, mas esperamos que isto mude em um futuro próximo, e que a organização possa se tornar mais popular daqui para frente.

Disney | Os 90 anos Mickey Mouse e sua influência mundial

Chegar aos 90 anos sem perder sua popularidade não é para qualquer um, mas estamos falando de Mickey Mouse. O lendário ratinho criado foi por Walt Disney fez a sua estréia em 18 de novembro de 1928. No entanto, antes de ficar conhecido como Mickey, seu criador o chamava de Mortimer. Consequentemente, graças a Lilliam, esposa de Walt Disney, o famoso camundongo ganhou o nome que ainda marca gerações.

Walt Disney e Mickey | Imagem: Divulgação

A estréia do porsonagem aconteceu no curta chamado “Steamboat Willie” que foi dirigido por Walt Disney  e Ub Iwerks.  A aparição do ratinho se deu no cinema Colony Theatre, de Nova York. Da mesma forma, Mickey foi o primeiro desenho animado a ter áudio sincronizado. Mas alem disso, ele não estava sozinho, a Minnie Mouse e o Bafo já apareciam neste curta.

Imagem: Divulgação

O personagem foi influente na Segunda Guerra Mundial. A senha de desembarque na Normandia das forças aliadas no Dia D foi Mickey Mouse. A Disney fez duras críticas ao Nazismo, como por exemplo, o episódio de seu amigo Donald, veja abaixo:

Donald, Pateta foram criados sendo amigos do Mickey, ele acabou também ganhando um cachorro, conhecido como Pluto. Como resultado dos anos, a turma de Mickey foi crescendo e personagens ganhando histórias próprias.

Mickey, Pateta e Donald | Foto: Reprodução

Para comemorar os 90 anos, a Disney abriu uma exposição em Nova York. A exibição vai ate 10 de fevereiro. Em conclusão, um pequeno roedor pode ser a arte do sucesso de um império global de entretenimento.

 

Streaming da Disney, ganha nome!

Depois de tempos, a plataforma recebeu seu nome de Disney+, o executivo Bob Iger (CEO) anunciou após um encontro com acionistas, revelando, inclusive, que o ainda esse ano, o site ganhará espaço na websfera, conforme foi divulgado pelo Comic Book.

Ainda está em planejamento,trazer franquias famosas de volta para o presente, como : Monstros S.A., High School Music e Os Muppets são só a “nata” de alguns dos produtos que devem ter séries spin-offs no serviço de streaming. Especulações dizem que essas séries vão ter custos altos , que chegam na casa dos US$ 25 milhões a US$ 35 milhões.

este planejamento dos conteúdos, até o dado momento tem como fundamento nas propriedades intelectuais da Disney. Novos caminhos e possibilidades vão ser abertos,com o acordo com a Fox.

Vingadores 4 | Katherine Langford fará parte do elenco

Recentemente o site The Wrap soltou a informação que a atriz de “13 porques” Katherine Langford fará parte do elenco do filme Vingadores quatro, até o momento ainda não foi revelado seu papel mas algumas teorias indicam que ela fará alguma personagem feminina dos novos vingadores.

Vingadores quatro estreia em Maio de 2019.

Confira tambem outras noticias clicando aqui

Vingadores 4 | Retorno de [spoiler] confirmado

O cuidado dos diretores de Vingadores 4 com o ofuscamento de informações vêm sendo tão grande que ainda não sabemos nem o titulo do filme.  No entanto, se não tem informação vazada não é Marvel.

Recentemente o Ator Frank Grillo – Grande cineasta com participações em “Guerra Civil e Capitão America: O Soldado Invernal – Deu uma entrevista ao podcast UFC Unfiltered um tanto quanto polemica sobre o seu futuro no universo cinematográfico da Marvel.  Durante a discussão citou o retorno de seu personagem Brock “Ossos Cruzados” Rumlow, o argumento de Frank sobre o retorno do Ossos cruzados é que o estalo de Thanos possa de alguma forma ter trazido-o de volta.

O dialogo foi:
Frank Grillo: “Ele [Crossbones] faz uma aparição no próximo filme dos Vingadores. Mas é um flashback.”

“Sim e eu tenho permissão para dizer o que eu quiser, porque eu nunca vou fazer outro filme da Marvel.”

Jim Norton: “Por que não?”

Frank: “Porque eu tenho 117 anos de idade.”

Você, fã, se pergunta: “Mas qual o sentido, já que o plano de Thanos era destruir a metade do universo?”. O argumento em si, pode não fazer todo sentindo do mundo, mas quando você começa a conectar os rumores e enredos sobre o filme começa a fazer sentido sim.

“A culminação de 22 filmes interconectados, a quarta edição da saga dos Vingadores vai chamar o público para testemunhar o ponto de virada desta jornada épica. Nossos amados heróis entenderão verdadeiramente o quão frágil é essa realidade e os sacrifícios que devem ser feitos para sustentá-la”.

Não temos muitas informações sobre o filme, mas ao que tudo indica o fator viagem no tempo estará presente no filme com certeza.

Vingadores 4 tem data de estreia para 3 de maio de 2019

Fonte: Comic Book

Fortinite | Fortnitemares, o evento de Halloween

A Epic Games anunciou em seu site oficial as datas em que irão ocorrer o evento Fortnitemares, um evento do jogo Fortinite voltado para o Halloween. O evento em questão irá ocorrer da quarta feira (24) e terá vida até o dia 26 de novembro.

O maior cuidado dos desenvolvedores é em vazar o menor numero de informações possíveis, o que está gerando ainda mais teorias das conspirações na cabeça dos jogadores e midiáticos. O site Comic Book usou a memoria para funcionar em cima de um tweet de um dos desenvolvedores do jogo. E levou a mente dos fãs um possível retorno da arma “Lançadora da Aboboras”.

Além disso, os desenvolvedores do jogo deixaram claro que a intensão deles é que as recompensas sejam realmente assustadoras. Algumas skins comemorativas ja foram divulgadas no Twitter oficial do jogo. Inclusive uma, que pelo suspense aparenta ser a mais rara, foi divulgadas em partes como varios tweets.

O segundo jogo de computador mais jogado do mundo anda postando varias outras skins de halloween em seu twitter oficial de jogo (@FortiniteGame) com o intuito de aumentar ainda mais a empolgação para chegada do modo de jogo comemorativo de Halloween.

Não é a primeira vez em que ocorre um evento de Halloween no jogo fortnite, isso atinge ainda mais os fãs novos que querem testar as armas antigas como “Lançador de aboboras” aos fãs mais experientes que querem vir a re-utilizar os items e vir a sentir o gostinho nostálgico.

Você confere a skin abaixo e outras no twitter oficial do game já divulgado anteriormente.

O jogo está disponível gratuitamente para PC, Xbox One, PlayStation 4, Nintendo Switch, IOS e algumas versões bem especificas de android.

|-Fontes: JovemNerd e ComicBook-|